top of page
jacek-dylag-PMxT0XtQ--A-unsplash.jpg
  • Foto do escritorDiana Camargo

Como construir um relacionamento saudável? Refletindo sobre relacionamentos

Atualizado: 16 de jan.

Relacionamentos afetivos saudáveis são aqueles em que ambos os parceiros se sentem emocionalmente apoiados, respeitados e compreendidos. Cada parceiro deve estar disposto a compartilhar seus sentimentos e necessidades, e ambas as partes devem ser capazes de se comunicar de forma eficaz. Para ter um relacionamento saudável e forte, cada indivíduo deve primeiro identificar suas próprias necessidades e estabelecer seus limites. Leia mais sobre relacionamentos neste post.


Casal de idosos sorrindo num campo de flores amarelas
Casal de idosos sorrindo

Sumário


O que é a saúde de um relacionamento?

A saúde de um relacionamento se trata da qualidade e capacidade da relação de satisfazer aqueles que fazem parte do relacionamento, fazendo com que se sintam felizes e conectados. Abrange as partes individuais (como capacidade de comunicação, capacidade de construção de intimidade e confiança de cada um), mas também o todo do relacionamento, como uma unidade funcional (como a intimidade criada entre parceiros).


A saúde do relacionamento pode ser afetada por diversas coisas, como problemas de comunicação, conflitos e incapacidade de solucioná-los, agressividade e sentimentos negativos. Assim, habilidades de comunicação deficientes, conflito e raiva não resolvidos, infidelidade ou falta de interesse em resolver os conflitos da relação podem ser vilões para uma relação saudável.


Como ter um relacionamento saudável?

Ter um relacionamento saudável é o desejo de muitas pessoas que buscam uma parceria amorosa que traga felicidade, segurança e crescimento. No entanto, nem sempre é fácil manter uma relação equilibrada, respeitosa e harmoniosa, pois isso envolve diversos fatores, como a comunicação, a confiança, o respeito, a liberdade, a admiração e o carinho.


Para ter um relacionamento saudável, é preciso investir no diálogo aberto e sincero, expressando os sentimentos, as necessidades, as opiniões e os desejos de forma clara e respeitosa. Também, é importante ouvir o que o outro tem a dizer, sem julgar, criticar ou interromper, buscando compreender o seu ponto de vista e as suas emoções. Neste sentido, é fundamental confiar no parceiro ou na parceira, evitando atitudes possessivas, ciumentas ou controladoras, que podem gerar conflitos e desgastes na relação. A confiança se constrói com honestidade, lealdade e transparência, demonstrando que se pode contar com o outro nas situações difíceis e nos momentos de alegria.


casal de mulheres abraçadas em um sofá, de mãos dadas e sorrindo
Casal sorrindo

Algumas dicas de como construir um bom relacionamento?

Construir um relacionamento saudável é um processo contínuo. Requer tempo, paciência e comprometimento de ambas as partes. Para isso, aqui estão algumas dicas para te ajudar na construção de um bom relacionamento:

  1. Comunicação aberta e sincera: Esteja disposto ou disposta a expressar seus sentimentos, pensamentos e preocupações de forma clara e respeitosa, assim fica mais fácil se relacionar. Além disso, escute atentamente para entender o lado da outra pessoa, demonstre empatia e compreensão.

  2. Respeito mútuo: Reconheça e valorize as diferenças individuais. Respeite os limites pessoais e seja tolerante com as opiniões alheias, mesmo que não concorde com elas.

  3. Construção de confiança: Seja honesto ou honesta e confiável. Cumpra suas promessas e compromissos. A confiança é a base de qualquer relacionamento saudável. Além disso, ambos precisam buscar agir de forma a garantir uma segurança emocional para a pessoa com que está se relacionando. Garantir a confiança evitando machucá-la emocional ou fisicamente.

  4. Tempo de qualidade juntos: Invista em momentos de conexão e compartilhamento para estreitar sua relação e uma boa convivência.

  5. Resolução de conflitos de forma construtiva: Conflitos são naturais em qualquer relacionamento. Aprenda a lidar com eles de maneira calma e respeitosa, buscando soluções que atendam às necessidades de ambos. Para isso, é necessário que vocês sejam capazes de assumir suas responsabilidades, ao mesmo tempo em que um não culpa o outro.

  6. Gestos de carinho e apreço: Demonstre afeto e gratidão regularmente. Pequenos gestos de gentileza e apreço podem fortalecer a intimidade emocional e transformar a relação em uma boa experiência.

  7. Cultive interesses e projetos em comum: Encontrem atividades que ambos gostem e possam desfrutar juntos. Isso fortalecerá os vínculos e criará experiências compartilhadas dentro da relação.

Construir boas relações afetivas e uma ligação forte requer tempo, paciência, esforço e vão além dessas dicas. É importante ser gentil e manter a compreensão.


O que é uma relação tóxica?

Uma relação tóxica é uma relação em que ocorrem dinâmicas prejudiciais e desequilibradas entre duas pessoas. Nesse tipo de relação, ocorre um padrão de comportamentos negativos que afetam a saúde emocional e mental dos envolvidos. Fazendo com que uma ou ambas as partes estejam cronicamente infelizes e suas interações criam tensão e estresse significativos. Esse tipo de relacionamento geralmente é caracterizado por comportamentos passivo-agressivos, manipulação emocional e discussões frequentes. Isso pode ocorrer por meio de palavras, ações ou falta de apoio.


É importante lembrar que qualquer tipo de relacionamento pode ser tóxico se não for construído com base na confiança e no respeito. Isso inclui relacionamentos amorosos, familiares, de amizade ou profissionais. Quando um ou ambos os envolvidos não respeitam os limites ou a dignidade um do outro, o relacionamento se torna prejudicial e pode afetar negativamente a saúde emocional e mental dos envolvidos.


Quais são os sinais de que um relacionamento é tóxico?

Verificar se um relacionamento é tóxico pode ser uma tarefa difícil, por isso, veja a seguir, uma lista de sinais que podem indicar uma relação não saudável:

  1. Usar sarcasmo ou tirar sarro da outra pessoa constantemente;

  2. Dizer ou fazer coisas que fazem a outra pessoa se sentir pequena ou insignificante;

  3. Colocar consistentemente suas necessidades acima das do parceiro;

  4. Discussões ou brigas frequentes;

  5. Impossibilidade de conversar ou ver amigos e familiares;

  6. Uma das pessoas da relação sempre se coloca para baixo nas conversas;

  7. Esconder segredos que afetam o relacionamento;

  8. Afastamento emocional ou físico;

  9. Comparações e humilhações;

  10. Infidelidade.

Emocionalmente, os sinais de um relacionamento tóxico podem ser:

  1. Raiva e abusos crônicos;

  2. Ressentimento;

  3. Medo e intimidação;

  4. Falta de confiança;

  5. Incapacidade de resolver conflitos.

A toxicidade do relacionamento pode ser uma coisa muito perigosa. Se você está percebendo atitudes tóxicas e sentindo que seu relacionamento parou de ser saudável, é importante saber que você pode pedir ajuda. Existem muitos recursos disponíveis para quem está passando por conflitos. Procure aconselhamento, visite um grupo de apoio ou busque ajuda com psicólogos e psicanalistas. A terapia de casal com um psicólogo pode ajudar os casais a resolverem quaisquer questões que os impeça de alcançar um status saudável em sua relação.


Conclusão

Os relacionamentos são uma parte muito importante de nossas vidas. Quer estejamos em um relacionamento com um parceiro do mesmo sexo, ou um parceiro do sexo oposto, bons relacionamentos podem ser uma fonte de força e apoio. Uma relação saudável é construída a base de confiança, respeito e comunicação. Sendo assim, fique de olho nos sinais para evitar relacionamentos tóxicos, mas caso você se perceba em um, lembre-se de pode pedir ajuda. Lembre-se de que você merece estar em um relacionamento que você se sinta amado e respeitado.



Referências




コメント


コメント機能がオフになっています。
bottom of page